NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo

Hospital brasileiro usa realidade virtual para ajudar crianças com medo de agulhas - VÍDEO

quinta, 27 julho, 2017 /
Hospital brasileiro usa realidade virtual para ajudar crianças com medo de agulhas - VÍDEO

therent.zone - serviço de aluguer de dispositivos electrónicos

 

 

Usar a realidade virtual para tornar a vacinação uma experiência menos traumática para as crianças. Esta é a estratégia do Hospital Hermes Pardini, em São Paulo, que usa a realidade virtual como um mecanismo de distração. Antes da injecção as crianças colocam óculos de realidade virtual, através dos quais assistem a uma história imersiva. De fora, a equipa de enfermagem responsável acompanha a acção a partir de um segundo ecrã, que procura sincronizar com o processo de vacinação. Desta forma as crianças não se focam no processo real, mas antes no virtual. "É a primeira vez em 15 anos da minha actuação profissional com vacinas que vejo o medo sendo transformado em entretenimento graças à realidade virtual. É sem dúvida uma tecnologia que vai trazer muito conforto para as crianças, os pais e os profissionais", explica Melissa Palmieri, coordenadora de vacinas do Hospital Hermes Pardini.

 

13,820