NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Metade dos norte-americanos adultos desconfia da Internet

Metade dos norte-americanos adultos desconfia da Internet

domingo, 24 setembro, 2000 /
Metade dos norte-americanos adultos, cerca de 94 milhões de pessoas, continua sem ligação à Internet e a maioria pretende permanecer assim, considerando a rede um meio complexo ou perigoso. «Washington, 25 Set (Lusa) - Metade dos norte-americanos adultos, cerca de 94 milhões de pessoas, continua sem ligação à Internet e a maioria pretende permanecer assim, considerando a rede um meio complexo ou perigoso. Um inquérito da responsabilidade da Pew Internet e do American Life Project demonstra que apesar do peso crescente da Internet na sociedade e na economia dos Estados Unidos, a rede encontra ainda muitas resistências entre os mais velhos. Assim, 57 por cento dos adultos inquiridos afirmam que não tencionam ligar-se à Internet nem utilizar o correio electrónico, sendo que mais de 80 por cento dos que assim respondem têm mais de 50 anos. Segundo os autores do estudo, os ausentes da Internet são em geral indivíduos com menos formação e muitos pertencem a minorias étnicas. Pelo contrário, é nos lares mais ricos que o acesso à Web é maior: 78 por cento daqueles que ganham mais de 75.000 dólares (cerca de 17.000 contos) por ano possuem ligação à Internet. A Internet é considerada "perigosa" para a vida privada por 54 por cento dos inquiridos, complicada de utilizar (36 por cento) ou demasiado cara (40 por cento). No entanto, 71 por cento dos reticentes reconhecem que este utensílio permitiria obter informações mais facilmente. Os autores do estudo estimam, no entanto, que devido à adesão em massa dos jovens, o recurso à Internet seja no futuro tão difundido entre os norte-americanos como a televisão (98 por cento) ou o telefone (94 por cento).»
2,620