NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Megaupload, Kim Schmitz afirma inocência

Megaupload, Kim Schmitz afirma inocência

quinta-feira, 01 março, 2012 /
Megaupload, Kim Schmitz afirma inocência

Megaupload, Kim Schmitz garante nocência. Kim Schmitz é fundador do Megaupload e acusa EUA de processo enganoso e mal intencionado.

Kim Schmitz, fundador do Megaupload, também conhecido por Kim Dotcom, foi o último membro do website de partilhas Megaupload a ser libertado - o tribunal neo-zelandês concedeu-lhe liberdade condicional. No entanto, e a pedido do governo dos EUA, o fundador do Megaupload aguarda ainda por uma decisão legal acerca de um pedido de extradição para os EUA, onde poderá ser julgado e condenado por violação de direitos de autor.

Megaupload, Kim Schmitz afirma inocência

A decisão deverá ser conhecida em Agosto, mas Kim Dotcom do Megaupload já teve oportunidade de conceder a sua primeira entrevista, na qual afirma que as acusações por parte do Departamento de Justiça norte-americano «são apenas uma pequena parte da situação», citando a Sic Notícias.

O fundador do Megaupload sublinha a sua inocência e acusa as autoridades norte-americanas de terem montado um processo «enganoso e mal intencionado», referindo ainda que as acusações ignoram provas da sua inocência.

2,228