NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Manifesto em prol da criatividade e inovação na Europa

Manifesto em prol da criatividade e inovação na Europa

quinta-feira, 12 novembro, 2009 /
Manifesto em prol da criatividade e inovação na Europa Elemento fundamental resultante do Ano Europeu da Criatividade e da Inovação 2009, o «manifesto em prol da criatividade e inovação na Europa» é fruto do trabalho colectivo dos Embaixadores do Ano Europeu, a saber, personalidades europeias de reputado mérito das áreas da cultura, ciência, economia, educação e design. Com os seus «sete mandamentos», o manifesto contribuirá para definir a estratégia comunitária de promoção da criatividade e inovação ao longo da próxima década. Numa cerimónia que terá lugar hoje, ao meio dia, na sala de imprensa da Comissão, os embaixadores apresentarão o seu manifesto ao Presidente da Comissão, Durão Barroso. «Independentemente da sua área de conhecimento, os criadores e inovadores partilham uma visão do futuro e de como este pode ser melhor do que o passado», afirmou o Presidente Durão Barroso . «Mais do que nunca, numa altura em que queremos guiar os esforços mundiais para sair da crise e dar resposta às alterações climáticas, a Europa precisa dessa visão. Por isso, quero manifestar o meu profundo agradecimento aos Embaixadores pelo manifesto em prol da criatividade e inovação na Europa e assegurar-lhes que a sua visão será incorporada na nova estratégia da Comissão para a UE até 2020.» Como pode a Europa manter-se na vanguarda do mundo do século XXI, marcado pela concorrência aguerrida e assente no conhecimento? Como se pode tirar mais partido do potencial criativo e inovador da Europa quer na educação, investigação e cultura, quer no design, no mundo empresarial e no local de trabalho? Como pode a política pública ao nível europeu e nacional incentivar a criatividade e a inovação nestes domínios? Estas questões mereceram uma profunda reflexão por parte de prestigiadas personalidades europeias na sua qualidade de Embaixadores do Ano Europeu da Criatividade e Inovação 2009. O manifesto em prol da criatividade e inovação na Europa é o resultado deste trabalho de colaboração. Assente em 7 prioridades e 7 linhas de acção, o manifesto, que incita fortemente à mudança, ajudará a configurar a visão europeia do papel da criatividade e inovação e enriquecerá a estratégia da União para 2010-2020. Os seguintes embaixadores confirmaram a sua presença na cerimónia de apresentação do manifesto: *Jean-Philippe Courtois (FR), Presidente da Microsoft International *Jordi Savall (ES), músico e professor catedrático *Christine van Broeckhoven (BE), professora catedrática, neurocientista molecular *Damini Kumar (IE), designer e inventora *Blanka Říhová (CZ), professora catedrática, microbióloga *Leonel Moura (PT), artista conceptual *Dominique Langevin (FR), professora catedrática, física *Edward de Bono (MT), autor e conferencista internacional sobre criatividade e pensamento lateral *Ernő Rubik (HU), professor catedrático, arquitecto, designer Os embaixadores apresentarão o seu manifesto ao Presidente da Comissão, Durão Barroso, ao meio dia de hoje, no decurso de uma conferência que terá lugar na sala de imprensa do edifício Berlaymont. Após a conferência de imprensa, os jornalistas terão oportunidade de realizar entrevistas individuais com o comissário europeu responsável pelo pelouro da educação, formação, cultura e juventude Maros Sefčovič , bem como com os Embaixadores do Ano Europeu. O Ano Europeu da Criatividade e da Inovação 2009 tem por objectivo promover abordagens criativas e inovadoras em diferentes sectores da actividade humana e preparar melhor a União Europeia para os desafios do mundo globalizado. Sítio oficial do Ano Europeu da Criatividade e da Inovação na Internet: http://www.create2009.europa.eu
2,233