NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Google Chrome ultrapassa Mozilla Firefox

Google Chrome ultrapassa Mozilla Firefox

sexta, 02 dezembro, 2011 /
Google Chrome ultrapassa Mozilla Firefox

Google Chrome ultrapassou Mozilla Firefox enquanto segundo browser mais utilizado no Mundo. Browser Microsoft Internet Explorer continua a liderar.

O Google Chrome, popular web browser da Google, ultrapassou o Mozilla Firefox como o segundo browser mais utilizado em todo o Mundo, de acordo com o website StatCounter. Os mesmos dados revelam ainda que o Microsoft Internet Explorer continua a liderar este segmentoO browser Google Chrome tem agora 25,69% do mercado, contra os 25,23% do Mozilla Firefox.

A tendência de crescimento do Google Chrome é algo que também se verifica em Portugal, apesar de ainda ocupar o terceiro lugar - situação que poderá mudar mais cedo ou mais tarde, tendo em conta a proximidade que já detém do Mozilla Firefox, segundo browser mais utilizado em Portugal.

Google Chrome ultrapassa Mozilla Firefox

O líder do mercado continua a ser o Internet Explorer, com 40,63%, seguido dos já mencionados Google Chrome e Mozilla Firefox. O Apple Safari ocupa o 4º lugar com 5,92% e, a ocupar a 5ª posição, o web browser Operacom 1,82%.Aodhan Cullen, CEO da StatCounter, revelou em comunicado que «estamos ansiosos para a batalha entre a Microsoft e a Google porque o crescimento do Chrome sugere que será um verdadeiro rival para o Internet Explorer a nível global».

2,027

Colaborações

MindShaker

O que saber sobre desbloquear o telemóvel?

Por MindShaker | 17 julho 2018

THERENT.ZONE

HTC Vive vs Oculus Rift: qual o melhor equipamento de realidade virtual?

Por THERENT.ZONE | 21 março 2018

eMenuk

Sistema de Menu Digital Para Restaurantes

Por eMenuk | 15 março 2017

Surf Map Portugal

Tecnologia no Surf

Por Surf Map Portugal | 07 março 2017

Colunistas

Lauro Lopes

Google Pixel 3 XL análise

Por Lauro Lopes | 06 fevereiro 2019