NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Fibra representa 20% dos novos clientes de televisão paga

Fibra representa 20% dos novos clientes de televisão paga

terça-feira, 01 junho, 2010 /
Fibra representa 20% dos novos clientes de televisão paga Os principais motores do crescimento do serviço continuam a ser, em primeiro lugar, as 'outras tecnologias' de acesso (IPTV e similares) e DTH, começando a plataforma FTTH/B a ganhar importância, pois já representa 20% dos novos clientes. Partilhar

O número total de assinantes do serviço de TV por subscrição cresceu no primeiro trimestre deste ano, atingindo cerca de 2,6 milhões, mais 69 mil que no trimestre anterior e mais cerca de 277 mil que no período homólogo. Os principais motores do crescimento do serviço continuam a ser, em primeiro lugar, as 'outras tecnologias' de acesso (IPTV e similares) e DTH, começando a plataforma FTTH/B a ganhar importância, pois já representa 20% dos novos clientes.

Em Março, o serviço de distribuição de TV por cabo representava 55,7% do total de assinantes de TV por subscrição - menos cerca de dois pontos percentuais do que no trimestre anterior. O peso das ''outras tecnologias'' e do FTTH/B aumentou em conjunto dois pontos percentuais, representando agora cerca de 17% e 2% do total, respectivamente. O peso do DTH caiu para 25% dos assinantes.

Continua a aumentar a penetração dos assinantes de TV por subscrição relativamente aos alojamentos, que ascende a cerca de 47 por cada 100 alojamentos. Utilizando o número de famílias clássicas estimado pelo INE para 2009 como denominador, a penetração dos assinantes de TV por subscrição por família clássica é de cerca de 66 por cada 100 famílias.

O Grupo ZON/TV Cabo continua a deter a quota de assinantes de TV por subscrição mais elevada (62,5%), mas com menos 1,9 pontos percentuais que no trimestre anterior; seguindo-se a PTC, com uma quota de quase 25% dos assinantes, mais 1,9 pontos percentuais do que no trimestre anterior. O terceiro maior operador continua a ser a Cabovisão, com 10%.

No período em análise, as receitas individualizáveis do serviço totalizaram 165 milhões de euros, um aumento homólogo de 3%. Deste total, 64% correspondem a receitas de TV por cabo, 27% a DTH e 9% a outras tecnologias. Estas receitas são provenientes de ofertas stand-alone ou de pacotes multiple play cuja componente de televisão é individualizável.

Já as receitas não individualizáveis de pacotes de serviços que integram o serviço de TV por subscrição atingiram cerca de 44 milhões de euros, mais 78% que no período homólogo e provêm essencialmente de pacotes triple play associados a tecnologias IPTV e similares.

Fazendo a análise por tipo de tecnologia, o número de alojamentos cablados por todos os operadores atingiu 4 milhões, mais 0,4% do que no trimestre anterior e menos 5% que no período homólogo. A redução do número de alojamentos cablados resultou da eliminação de duplas contagens de casas cabladas após a fusão por incorporação da Bragatel, da PLURICANAL LEIRIA, da PLURICANAL SANTARÉM e da TVTEL na ZON TV Cabo.

No mesmo período, o número total de assinantes manteve-se inalterado (1,45 milhões) face ao trimestre anterior. Em termos homólogos, regista-se uma quebra de 0,7%. Nalguns casos, esta redução poderá ter resultado de substituição entre plataformas de acesso ao serviço.

O principal operador alternativo de TV por cabo continua a ser o responsável pela quebra verificada em termos homólogos.

Continua a crescer o número de assinantes do serviço de distribuição por cabo que beneficiam do formato digital, cerca de 876 mil, o que corresponde a mais de 60% dos assinantes do serviço.

No que respeita ao serviço de televisão por subscrição com base na rede telefónica pública e sobre FWA existem actualmente quatro operadores com ofertas, a Sonaecom, PTC, Vodafone e AR Telecom (FWA), existindo cerca de 438 mil utilizadores, mais 37 mil ou 9,3% do que no trimestre anterior. Em termos homólogos contabilizaram-se cerca de 159 mil novos assinantes (mais 57%). A PTC foi a principal responsável por esta evolução, em particular nas regiões Norte, Centro e Lisboa.

Poderá consultar aqui o Relatório do  Serviço de Televisão por Subscrição - 1º trimestre de 2010


Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. - Telemoveis.com

*** Este texto NÃO foi escrito de acordo com o novo Acordo Ortográfico***

Telemoveis.com on Facebook
Siga-nos no Twitter!
3,394