NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Como entrar na Deep Web

Como entrar na Deep Web

segunda-feira, 07 dezembro, 2015 /
Como entrar na Deep Web

Que segredos esconde a Deep Web? Como é que posso lá entrar?


Imagem por: Lfb
 

A internet é grande… muito grande. Tão grande que aquilo que a maior parte das pessoas conhece como internet, limita-se aos websites indexados pelos motores de pesquisa mais conhecidos, nomeadamente o Google e o Bing, cujos milhões de domínios indexados correspondem a aproximadamente 4% da totalidade de sites existentes.

Tendo em conta a premissa acima, é passível de assumir que o leitor poderá estar, com toda a justiça, a redefinir o seu conceito de internet. E de facto assim o deve, já que assumindo que tem uma ligação considerada “normal”, está limitado por aquilo que os motores de pesquisa lhe oferecem… até agora.

Deep Web. O que é?

A chamada Deep Web / Darknet / Deepnet / Dark Web / Internet Invisível ou Internet Escondida, corresponde a todo e qualquer conjunto de domínios que NÃO está indexado nos motores de busca comuns.

Por norma, o utilizador acede a internet e a primeira página com que se depara corresponde à página do motor de pesquisa Google / Bing. Este facto por si só afunila toda a pesquisa, limitando à partida quaisquer resultados àquilo que os ditos sistemas de busca oferecem.

Coloca-se a questão: o que existe para além do Google ou do Bing?

A resposta, estatisticamente falando, é bastante simples: praticamente tudo. Tendo em conta o número de domínios indexados pela Google e Bing (surface web), os mesmos não chegam a perfazer 4% da totalidade de sites existentes em toda a internet. Assim sendo, muita da informação que o utilizador encontra da internet dita “normal”, possivelmente existirá em muito maior quantidade na aclamada deep web.

DeepWeb1

Imagem por: Geekzilla

A julgar pelos factos acima descritos, até agora tudo parece indicar que a deep web é bastante melhor que a internet normal, já que à partida contém muito mais informações do que a internet regular. Se assim é, o que a torna menos acessível?

Aqui há gato”, talvez seja a melhor expressão que explica o porquê de a deep web não se encontrar à vista de todos. A partir do momento em que um determinado website escolhe não pertencer a um motor de pesquisa público, será legítimo afirmar que tem alguma coisa a esconder? Infelizmente e em grande parte dos casos, sim.

É precisamente na deep web que se encontram websites relacionados com pornografia ilegal, plataformas de venda e compra de armas, contratação de assassinos e, o negócio mais abundante, compra de drogas. Portanto, convém saber algumas importantes precauções para não se deparar com nenhum dos temas acima descritos por engano e, mais importante, não comprometer o seu anonimato.

1. NÃO TRANFIRA FICHEIROS PARA O COMPUTADOR

A deep web providencia vários domínios de segurança duvidosa, nos quais os ficheiros passíveis de serem transferidos podem danificar o computador de várias formas, nomeadamente através da instalação de vírus, spyware, keyloggers, entre diversos tipos de software malicioso aos quais deve estar atento. Mais: ao transferir ficheiros directamente a partir da deep web, estará também a divulgar a identificação pessoal do seu computador, resultando na perda do anonimato na navegação.
 

2. NÃO CLIQUE NO QUE NÃO CONHECE

Todos os domínios presentes na deep web estão, maioritariamente, encriptados num determinado formato (e.g., www.a2xg54fcja8l.onion), ocultando o seu nome e conteúdo. Logo, convém saber de antemão uma – mesmo que breve - descrição do website a que está prestes a aceder, para que não se depare com nenhum tema / conteúdo não desejado. Para tal deverá consultar directórios disponíveis para o efeito. Mas já lá vamos.
 

3. DESACTIVE AS COOKIES

Cookies são informações retidas pelo seu computador de sites que visitou, como preferências de navegação e, por vezes, passwords e nomes de utilizador. Deste modo convém desactivar as cookies sempre que visita algum domínio na deep web, de modo a que mantenha o seu computador limpo de quaisquer indícios de navegação que possam divulgar a sua identidade.
 
Leu, decorou e interiorizou as três regras acima descritas? Então prepare-se pois está prestes a saber como aceder a, aproximadamente, 96% da Internet.

Deep Web. Como é que se acede?

O acesso à deep web, apesar de ser possível através das vias comuns, não é aconselhável devido aos motivos acima descritos.

Assim sendo e para entrar na deep web com segurança e privacidade, antes de mais, precisa de um navegador próprio e que garanta a protecção da sua identidade. Existem vários disponíveis para transferência, sendo o mais comum o Tor Browser (pode sempre escolher outros navegadores menos badalados como o I2P ou o Freenet).

TorBrowser

Imagem por: Telemoveis.com

Peguemos no Tor Browser. Este navegador é muito semelhante ao famoso Mozilla Firefox, contudo, vem com algumas adições de software que lhe permitem garantir o anonimato. Após ter instalado o programa, abra-o e irá verificar que é um navegador comum, sem grandes diferenças do Mozilla original.

A partir daqui poder-se-á afirmar que já se encontra ligado à Tor Network, ou seja, está pronto para navegar na internet de forma anónima e disponível para visitar websites que não se encontram indexados nos motores de pesquisa comuns.

No entanto, como é que se consegue aceder a sites que não estão indexados no Google ou no Bing? Mais, como é que sabe sequer da existência desses mesmos domínios?


Directórios 

A resposta é dada por diversos directórios que listam uma multitude de hiperligações com variados conteúdos, de forma a que a navegação seja minimamente organizada. Um desses directórios é a Hidden Wiki / Wikipédia Escondida. Aqui irá encontrar uma grande listagem de domínios encriptados, com uma breve descrição acerca do que trata cada um.

HiddenWiki

Imagem por: Telemoveis.com

Motores de Pesquisa

Outra forma de pesquisar por domínios e temas na deep web é através de motores de busca cujos resultados surgem de forma não censurada, como é o caso do DuckDuckGo. Apesar de actualmente já se encontrar acessível a partir da surface web, este motor de pesquisa iniciou as suas actividades na face oculta da internet, mantendo a sua actividade até aos dias de hoje.

DuckDuckGo

Imagem por: Telemoveis.com

Tenham em atenção que todos os links e sugestões acima não passam disso mesmo. Aconselhamos todos os internautas a navegarem com cautela, já que a segurança e o anonimato constituem os factores de maior importância quando se trata da deep web.

Deste modo e caso deseje aumentar ainda mais a segurança da navegação, sugerimos que instale um sistema de VPN (Virtual Private Network) de forma a complementar todas as ferramentas que o Tor Browser já disponibiliza por si (pode escolher um dos serviços gratuitamente disponíveis nesta lista).

Mais uma vez, nunca é demais salientar o cuidado e atenção que o utilizador deve ter ao navegar na deep web, acima de tudo nas hiperligações que selecciona.

É preciso ter em conta que apesar da existência de muitos conteúdos ilegais também se encontra uma multitude de informações relevantes, interessantes e, mais importante, completamente legítimas.
 
Assim sendo, resta-nos desejar-vos boas sessões!
10,001