NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Apple e Google põem fim a disputas legais

Apple e Google põem fim a disputas legais

segunda-feira, 19 maio, 2014 /
Apple e Google põem fim a disputas legais

A Apple e a Google abandonaram os processos legais entre as duas empresas, relacionados com patentes

Apple e Google põem fim a disputas legais

Motorola Mobility - A Apple e a Google não são necessariamente as melhores amigas do universo, mas concordaram em pôr um fim aos inúmeros processos legais entre si, segundo um comunicado divulgado em conjunto por ambas as empresas. Esta decisão diz respeito a um processo que envolve a Motorola Mobility e que data de 2010, antes da Google ter adquirido a empresa por 12 mil milhões de dólares.

"A Apple e a Google concordaram em abandonar as disputas legais que actualmente existem directamente entre as duas empresas", afirmaram. "A Apple e a Google também concordaram em trabalhar juntas em algumas áreas da reforma de patentes. O acordo não inclui licenciamento de patentes".

O que significa - Em parte, o comunicado é suficientemente explícito em indicar que as duas empresas não vão licenciar patentes entre si. E se os motivos para este fim de disputa não são bem claros, sabe-se que as disputas legais sempre foram consideradas inconvenientes e desnecessárias pela Apple de Tim Cook. As empresas decidiram cooperar, contudo, na liberalização de algumas áreas da reforma de patentes. Este acordo também não irá influenciar de modo algum os processos legais entre a Apple e a Samsung.


Mais Telemoveis.com

Sony Cybershot QX-100, também para smartphones
Sony Xperia Z2 Tablet: primeiras impressões
LG G Flex: as nossas primeiras impressões
Samsung Galaxy S4 vs Samsung Galaxy S5


Como aconteceu - Tudo começou em 2010, quando a Motorola processou a Apple por alegadamente infringir algumas das suas patentes relacionadas com tecnologia 3G. Em jeito de retaliação, a Apple processou a Motorola por infracção de patentes relacionadas com software.

A Motorola ainda conseguiu em 2011, ano em que foi adquirida pela Google, banir temporariamente da Alemanha todos os dispositivos iOS equipados com 3G. Em 2012, enquanto o processo ainda decorria, um tribunal de Chicago, nos EUA, decidiu que nenhuma das empresas tinha provas suficientes para poder fundamentar as suas acusações sobre a adversária.

Pouco tempo depois a Google adquiriu a Motorola Mobility para enriquecer o seu portefólio de patentes, mas voltou a vender a empresa no início deste ano, á chinesa Lenovo, por 2,9 mil milhões de dólares.

Apesar do seu final, o processo voltou a ser "ressuscitado" em Abril deste ano pela FAC (Federal Appeals Court).

3,331