NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Acessórios: áudio topo-de-gama para smartphones e tablets

Acessórios: áudio topo-de-gama para smartphones e tablets

quinta-feira, 05 junho, 2014 /
Acessórios: áudio topo-de-gama para smartphones e tablets

O iFi Nano iDSD está disponível em Portugal por 209 euros. Para audiófilos que não passam sem música

 

Acessórios: áudio topo-de-gama para smartphones e tablets

iFi Nano iDSD - A Esotérico anunciou esta semana que já disponibilizou no seu catálogo o iFi Nano iDSD, um pequeno dispositivo para amantes de áudio de elevada qualidade que é descrito como sendo o DAC (conversor digital/analógico) mais pequeno do mundo.

Este pequeno aparelho é construído à base de alumínio, pesa apenas 163 gramas e é capaz de reproduzir os formatos de áudio PCM, DSD e DXD. É ainda alimentado por uma bateria interna ou via USB.

Segundo a Esotérico, o iFi Nano tanto é capaz de alimentar auscultadores ou auriculares bluetooth, como computadores pessoais ou sistemas de Hi-Fi domésticos. Vem equipado com uma saída estéreo através de duas tomadas RCA (formato standard) e uma saída digital coaxial para ligação a receptores A/V.

A empresa também destaca a escolha de um DAC da Burr-Brown para integrar as componentes do iFi Nano iDSD. «A BB foi entretanto comprada pela Texas Instruments, mas a iFi faz questão de salientar que o chip escolhido para este projecto foi concebido pela própria BB Japan - ou seja, não se limita a ser um chip da TI com a marca BB», afirma a empresa em comunicado. «Na verdade, este circuito em particular é considerado pelos aficcionados em todo o mundo como o 'canto do cisne' da Burr-Brown - o derradeiro chip audiófilo antes da total integração» da empresa na Texas Instruments, completa.

Todo o processamento decorre de forma nativa, ou seja, sem necessidade de conversão entre um formato e outro. Desta forma é possível manter inalterado o sinal de áudio ao longo de todo o processo.

«Os últimos avanços tecnológicos dos dispositivos móveis, tais como os equipamentos iPhone/iPad/Android, transformaram-nos em verdadeiras fontes de áudio de alta qualidade - desde que conjugados com as apps, cabos e dispositivos certos», completa.

3,823