NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Vodafone aposta no cavalo certo

Vodafone aposta no cavalo certo

quarta-feira, 12 fevereiro, 2003 /
Vodafone aposta no cavalo certo A Vodafone divulgou um estudo sobre o seu patrocínio à Ferrari e as conclusões são óbvias: apostaram no cavalo certo. Para muito terá ajudado, sem dúvida, a forte campanha publicitária que o grupo britânico terá feito com base na grande estrela da equipa do "cavalinho rompante", o tetra-campeão da F1, Michael Schumacher. O ar de viciado que o alemão colocou nos slogans que a Vodafone fez circular por toda a Europa, em mais de 25 adaptações e 400 anúncios impressos, na apresentação do seu mais recente produto (Live!), terá, pelo menos, cativado a atenção da opinião pública. Um objectivo que o maior operador móvel europeu, em comunicado, fez questão de sublinhar como sendo um dos prioritários.

"A Vodafone já introduziu a sua marca em quase todos os seus principais mercados. O reconhecimento global da marca tem uma importância crucial para o Grupo, tendo sido uma das razões principais que levaram a Vodafone a escolher entrar na Fórmula Um, em parceria com a Ferrari", podia ler-se. Terminado o primeiro ano de ligação entre as duas marcas mundialmente conhecidas, a Vodafone calcula que o patrocínio tenha gerado mais de seis mil milhões de impactos, quer na imprensa tradicional, quer na Internet, onde o tráfego nos sites oficiais das duas empresas foi elevado.

Aproveitando a parceria com a mítica equipa encarnada da F1, a Vodafone disponibilizou aos seus clientes todo o tipo de produtos relacionados, desde galerias de imagens, logos, toques, mensagens de caixas de correio de voz altamente personalizadas. Além disso, foi desenvolvido um jogo em linguagem Java, com animação 3D, cor, som e efeitos de vibração para os choques. No segmento do marketing promocional, a Vodafone também colocou a circular o Race Track Simulator, num camião que visitou 11 países da Europa, entre os quais Portugal, permitindo que 23 mil pessoas desfrutassem de uma experiência empolgante, que resultou em mais de dois milhões de impressões durante a referida digressão.

Por essa razão, Thomas Geitner, Director Executivo da Vodafone Global Products and Services Limited, comentou que "através deste patrocínio, a Vodafone alcançou imensos benefícios. Conseguimos maximizá-los no reconhecimento e preferência da marca e foi uma excelente plataforma para construirmos uma ligação com os nossos clientes e ajudou a cumprir a nossa filosofia de ligar as pessoas às suas paixões".

3,176