NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Sonaecom admite parcerias com Telefónica e France Télécom

Sonaecom admite parcerias com Telefónica e France Télécom

sexta-feira, 31 março, 2006 /
No caso da OPA sobre a PT ter sucesso. «Não vemos com maus olhos termos duas parcerias», afirmou Paulo Azevedo, presidente da Sonaecom, durante um jantar promovido pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC).

Questionado sobre a possibilidade de estabelecer uma parceria com a Telefónica, que detém 9,96% do capital da PT, o presidente da Sonaecom admitiu que «a nova empresa resultante [da fusão Sonaecom/PT] poderá ter uma parceria» com a empresa espanhola. «Acho que não é fácil encarar o futuro sem parcerias», afirmou.

Paulo Azevedo disse que a Telefónica«"é um operador com uma estratégia internacional com sucesso e crescimento rápido» e, caso esta pretenda apostar no mercado português, a sua entrada será inevitável. «Existem situações em que não se poderá evitar a concorrência», sublinhou.

O presidente da Sonaecom acrescentou que a parceria com a France Télécom, que detém 23,7% da Sonaecom, não tem objectivos financeiros, mas garantiu a possibilidade de o operador ter acesso a todo o tipo de acordos para roaming, terminais e produtos.
2,493