NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Se não ouviram falar de Matthew Keys, preparem-se

Se não ouviram falar de Matthew Keys, preparem-se

domingo, 17 março, 2013 /
Se não ouviram falar de Matthew Keys, preparem-se

Mathew Keys é um jovem editor da Reuters que está a ser acusado pelas autoridades norte-americanas de cooperar com os Anonymous na concessão de informações.

Mathew Keys é um nome que vai dar bastante que falar nos próximos tempos. A razão para que este jovem editor da Reuters na área das Social Media esteja na 'ribalta'? O facto de estar a ser acusado pelas autoridades norte-americanas de ter ligações com o popular grupo de hacktivistas Anonymous. Mais especificamente, as acusações afirmam que Keys permitiu que os hackers acedessem aos servidores dos seus empregadores prévios, a Tribune Company - que detém o Los Angeles Times, um dos jornais que os hackers desfiguraram com maior frequência.

Se não ouviram falar de Matthem Keys, preparem-se

As acusações sugerem que Mathey Keys conversou com um hacker pertencente aos Anonymous e lhe concedeu as credenciais para entrar nos servidores da Tribune Company, depois de o hacker ter referido que foi apanhado e bloqueado pelos administradores de sistema. Após fornecer o acesso, o hacker desfigurou a história que se encontrava em destaque no Los Angeles Times e fez alterações ao título e sub-título da notícia.

Keys parece ter um historial que envolve várias acusações semelhantes, segundo aponta o Gizmodo. Sabu, um dos líderes do grupo LulzSec, conhecido por cooperar com os Anonymous, acusou Keys de estar envolvido num ataque de hackers ocorrido há dois anos atrás. Caso venha a ser condenado, Keys poderá cumprir uma pena de até 10 anos de prisão e pagar uma coima de 250 mil dólares.

3,314