NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Quem compra quem?

Quem compra quem?

segunda-feira, 05 agosto, 2002 /
Quem compra quem? A dúvida na consolidação do sector das telecomunicações mantém-se: quem compra quem? Mas ao primeiro sinal de Belmiro de Azevedo em querer consolidar os respectivos negócios de telecomunicações com a EDP, o discurso mudou e a estratégia idealizada pelo patrão da Sonae já servia bem os intentos dos accionistas da companhia eléctrica. Isto sem esquecer um desejo expresso por Jardim Gonçalves, que dava conta de uma eventual aquisição da Oni por parte da Portugal Telecom, em troca da entrada do BCP no capital da PT.

No entanto, a Oni não estava nos planos da empresa de Murteira Nabo e Belmiro avançou. Só que não contou com uma eventual recusa da sua proposta, e o que toda a gente considerava ser a melhor solução para se avançar verdadeiramente para a liberalização do sector, acabou por se perder em desentendimentos de ordem organizativa e estrutural.

Para baralhar ainda mais as coisas, ou por mera questão estratégica, António Carrapatoso surge na imprensa a dizer que a Vodafone está interessada em comprar a Optimus, para ataque cerrado à liderança nas telecomunicações móveis. Uma tomada de posição que fez, de imediato, correr o rumor que, a colocar-se esse cenário, também a Portugal Telecom se colocava na corrida pela operadora 93.

Ou seja, num espaço de 15 dias, Belmiro de Azevedo passa de comprador a adquirido, sem que ainda se tenha visto ou ouvido qualquer informação no sentido de ser essa a intenção da Sonae.com. Sabe-se, única e exclusivamente, que foi proposta uma fusão com a Oni. Nada mais. A Optimus nunca esteve à venda para, de repente, surgirem os "tubarões" a querer comprar.

Precisamente por isto, afinal, quem compra quem?
3,382