NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Portugal: SMS aos milhões

Portugal: SMS aos milhões

sexta-feira, 02 agosto, 2002 /
Os números das comunicações móveis em Portugal são impressionantes: quatro milhões de mensagens trocadas e 400 mil horas de conversação por dia. De 1 de Janeiro a 31 de Março de 2002 foram contabilizados nada mais, nada menos do que 2 200 milhões de minutos de conversação nos utilizadores dos três operadores móveis, o que dá qualquer coisa como 400 mil horas ao telefone por dia ou, se preferir, dividindo pelos mais de oito milhões de clientes móveis nacionais, cada um de nós passa, pelo menos, três minutos por dia ao telefone.

Números que podem enganar quando são apresentados por atacado mas, feitas as devidas contas e tomadas as devidas proporções, três minutos por dia ao telefone é um valor perfeitamente aceitável, em certos casos até irrisório.

Mas são estes números que, em tempos de vacas magras, as operadoras gostam de ver. No entanto, todas elas têm a perfeita noção que o limite do ARPU (verba mensal estipulada para as comunicações) não vai muito além do que está a verificar-se, em alguns casos limites esses que são excedidos em prejuízo do restante orçamento familiar para outras despesas fixas.

Quer isto dizer que a corda está praticamente esticada ao seu ponto máximo e não vale a pena esforçar algo que pode partir para os dois lados. Mesmo assim, o crescimento do número de minutos de conversação foi verdadeiramente explosivo, se tivermos em conta que, no mesmo período de 2001, os valores registados eram 47% inferiores. Tirando a preocupação do UMTS, tudo vai bem no reino das comunicações móveis.
3,204