NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Facebook. Rede social quer ajudar quem precisa

Facebook. Rede social quer ajudar quem precisa

domingo, 01 março, 2015 /
Facebook. Rede social quer ajudar quem precisa

Mark Zuckerberg criou uma ferramenta para a sua rede social, que pretende ajudar a prevenir suicídios


Aqui não se trata de saber se foste ou não bloqueado. Esta medida, sim, pretende constituir uma ajuda real

O Facebook vai começar a lançar a partir desta semana – por enquanto apenas para os Estados Unidos - uma ferramenta que irá permitir aos amigos sinalizarem um determinado post como sendo alarmante, no sentido em que possa eventualmente indicar algum comportamento nocivo auto-infligido.

A ferramenta irá estar incluída em todos os posts, bastando clicar na pequena seta situada no topo superior direito de cada texto e seleccionar a opção reportar post.

Após a sinalização do texto, e assim que voltar a entrar na rede social, a pessoa que o escreveu irá receber uma notificação com várias opções. Essas opções vão incluir a possibilidade de contactar o amigo que se mostrou preocupado com o que foi escrito, listar outros amigos que podem vir a ajudar, ou ainda contactar uma linha de apoio ao suicídio.

A disponibilidade desta nova opção irá ser gradualmente distribuída por todo o globo, prevendo-se que esteja acessível em todos os países onde o Facebook está presente no decorrer dos próximos meses.

Não deixa, contudo, de ser um pouco irónico o Facebook lançar esta opção pouco tempo após ter sido divulgado um estudo sobre como os seus utilizadores podem entrar em depressão.

Facebook. Rede social quer ajudar quem precisa


2,999