NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Fábrica da Samsung tomada de assalto em Campinas, no Brasil

Fábrica da Samsung tomada de assalto em Campinas, no Brasil

quarta-feira, 09 julho, 2014 /
Fábrica da Samsung tomada de assalto em Campinas, no Brasil

Uma fábrica da Samsung foi assaltada esta segunda-feira por um grupo numeroso e armado, no Brasil

Fábrica da Samsung tomada de assalto em Campinas, no Brasil

O assalto, que foi empreendido com recurso a metralhadoras, resultou em prejuízos de 4,5 milhões de euros para a empresa, segundo reportou a Samsung. Ao todo foram levados cerca de 40 mil equipamentos electrónicos.

Durante o assalto, que decorreu em Campinas, local onde a selecção portuguesa ficou sediada para o Mundial 2014, foram feitos pelo menos 50 reféns, mas a Polícia Civil estima que este número possa ter sido superior. Não houve feridos.

As informações disponíveis indicam que cerca de sete camiões terão sido carregados com o material roubado, tendo sido levados para fora da fábrica.

As suspeitas também indicam que os assaltantes contaram com ajuda interna para planearem a operação. Nas imagens disponíveis é possível ver alguns dos criminosos a utilizarem rádios para comunicarem entre si.

As informações disponíveis não oferecem um consenso em relação ao número de indivíduos que empreendeu o assalto - os números disponíveis colocam o número de assaltantes entre 10 a 30 indivíduos.

5,472