NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
UE investiga venda de direitos desportivos a empresas de internet e telemóveis

UE investiga venda de direitos desportivos a empresas de internet e telemóveis

terça-feira, 03 fevereiro, 2004 /
O objectivo é zelar pela para que o acesso aos direitos desportivos se mantenha aberto e não seja descriminatório. O objectivo da investigação, a primeira feita por Bruxelas sobre os direitos das novas comunicações, é "velar para que o acesso aos direitos desportivos se mantenha aberto e não seja descriminatório" devido ao facto do êxito desses serviços "depender em grande parte da capacidade dos operadores fornecerem contúdos audiovisuais muito solicitados". Segundo o executivo europeu, os direitos desportivos, "e especialmente os direitos do futebol, não só facilitam enormemente a venda de acessos a canais codificados, mas igualmente o desenvolvimento dos mercados dos novos meios de comunicação, como a Internet e o UMTS. Por isso a Comissão quer assegurar-se de que "não se restringe indevidamente o acesso a este conteúdo chave". Bruxelas já detectou "possíveis acordos e condutas desleais em todo o sector" ao examinar a venda dos direitos de difusão da Liga dos Campeões e a venda de direitos das ligas das primeiras divisões inglesa e alemã.
2,817