NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Tablet Samsung P1000 Galaxy Tab review

Tablet Samsung P1000 Galaxy Tab review

quinta-feira, 19 maio, 2011 /
Tablet Samsung P1000 Galaxy Tab review

Leia a nossa review ao tablet Samsung P1000 Galaxy Tab, o primeiro tablet Android que colocou o Apple iPad em estado de alerta.

A Samsung entrou no território dos tablets, dominado pelo popular Apple iPad, mas já conseguiu triunfar por si própria. O tablet PC da Samsung é uma versão mais pequena de um laptop mas combina as melhores funcionalidades smartphone. Estamos a falar, obviamente, do Samsung P1000 Galaxy Tab.

Ao contrário do Apple iPad, é possível fazermos chamadas com o Samsung P1000 Galaxy Tab, mas não da forma clássica. O tablet PC da Samsung é demasiado grande para o encostarmos ao ouvido com uma só mão, pelo que a Samsung teve que pensar em alternativas. Saiba quais já a seguir.

Também ao contrário do Apple iPad, o Samsung P1000 Galaxy Tab é mais fácil de transportar por ser mais pequeno e leve. Inclui opções de conectividade que o Apple iPad não trouxe consigo, tem a vantagem de suportar multitasking e Adobe Flash Player.

Mas vamos ao que interessa.

Tablet_Samsung_P1000_Galaxy_Tab_review_01

O design do Samsung P1000 Galaxy Tab

O design do Samsung P1000 Galaxy Tab surpreende em muitos aspectos por não se limitar a copiar o Apple iPad. Aliás, ao contrário do que muitos esperavam antes do seu lançamento, o Samsung P1000 Galaxy Tab tem um design bastante distinto e atraente.

Os ângulos curvos tornam-no atraente e, apesar de ser feito à base de plástico, tem um aspecto muito elegante. Os paineis são resistentes a impressões digitais e por isso raramente deixamos marcas no Samsung P1000 Galaxy Tab. Apesar de ser mais leve que o iPad, o Samsung P1000 Galaxy Tab ainda pesa 380 gramas e isso continua a ser algo desconfortável. 

O ecrã do Samsung P1000 Galaxy Tab tem 7.0 polegadas e é um touch screen TFT capacitivo (600 x 1024 megapixels) com 16 milhões de cores. Apreciámos o facto de o ecrã do Samsung P1000 Galaxy Tab já ser compatível com multi-toque e multitaskin. Também a qualidade de imagem do LCD é impressionante, e equipara-se aos ecrãs com tecnologia Super AMOLED.

Tablet_Samsung_P1000_Galaxy_Tab_review_02

Fazer chamadas com o Samsung P1000 Galaxy Tab

Esta é sem dúvida uma funcionalidade interessante e é um dos pontos altos do Samsung P1000 Galaxy Tab. A Samsung implementou esta funcionalidade de um modo interessante, já que é óbvio que ninguém vai segurar no tablet para falar como se de um telemóvel se tratasse. Como tal, a Samsung integrou alta voz e microfone.

Os utilizadores podem inserir headphones e utilizar o microfone, ou então podem ligar a opção mãos-livres e utilizar o seu próprio microfone integrado.

A Interface de Utilizador do Samsung P1000 Galaxy Tab

O Samsung P1000 Galaxy Tab foi lançado com o Android 2.2, mas vai estar disponível um update para a versão Android 2.3 (Gingerbread) brevemente. O Samsung P1000 Galaxy Tab não inclui a famosa interface TouchWiz no seu homescreen, como no Samsung Galaxy S, mas disponibiliza vários widgets e apps personalizáveis.

A performance do Samsung  P1000 Galaxy Tab também é muito rápida, e permite aos utilizadores usufruirem de uma completa experiência tablet PC. Cortesia do processador CPU de 1GHz, que de facto fez um bom trabalho.

Tablet_Samsung_P1000_Galaxy_Tab_review_03

Conectividade no Samsung P1000 Galaxy Tab

Já que o Samsung P1000 Galaxy Tab é um tablet PC, as opções de conectividade têm a obrigação de serem as melhores. O tablet PC da Samsung não nos desapontou de maneira nenhuma, e vem integrado com opções de conectividade WiFi bastante satisfatórias, que se traduzem numa performance rápida.

O Samsung P1000 Galaxy Tab também integra redes sociais e permite transferir dados para outros dispositivos compatíveis, pois inclui Bluetooth 3.0 e USB v2.0.

A sua capacidade de memória também pode ser expandida com recurso a cartões microSD.

A câmara digital do Samsung P1000 Galaxy Tab

O Samsung P1000 Galaxy Tab traz uma câmara digital de 3.15 megapixels integrada, que também inclui flash LED com funcionalidades de auto focagem. A resolução da câmara digital do Samsung P1000 Galaxy Tab é de 2048 x 1536 pixels e suporta gravações de vídeo até 30 frames por segundo. Quanto a câmaras frontais, o tablet PC da Samsung tem uma câmara digital de 1.3 megapixels, o que permite a realização de video-conferências.

Tablet_Samsung_P1000_Galaxy_Tab_review_05

Leitores Multimédia do Samsung P1000 Galaxy Tab

O Samsung P1000 Galaxy Tab é uma ferramenta indicada para o entretenimento. Vem, aliás, carregadíssimo de funcionalidades e leitores multimédia de alto nível, que conseguem ler os mais diversos formatos vídeo e áudio. O leitor de música integrada pode ler ficheiros MP3, WAV, eAAC+, AC3 e FLAC. Já o leitor de vídeos do Samsung P1000 Galaxy Tab suporta MP4, DivX, WMV, H.264 e H.263.

Conclusões sobre o Samsung P1000 Galaxy Tab

No geral, o Samsung P1000 Galaxy Tab é um tablet pc bastante sofisticado e atraente, e é compreensível o porquê de ter estremecido os alicerces do mundo dos tablets. De qualquer forma, não é ainda a hora de abdicarmos das funcionalidades que só um computador pode permitir.

E se o Samsung P1000 Galaxy Tab nos convenceu, por outro lado o Android ainda não é um sistema operativo feito para computadores (quem sabe um tablet pc Chrome?), pelo que não consegue exercer todas as funcionalidades de um computador.

Quanto ao Android, é sem dúvida um sistema operativo móvel muito user friendly, e só podemos concluir que num futuro muito breve o Samsung P1000 Galaxy Tab vai sair a ganhar graças ao update para sistema Android 2.3 (Gingerbread).

8,198