NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Tablet Samsung Galaxy Tab S. Análise

Tablet Samsung Galaxy Tab S. Análise

quarta-feira, 26 novembro, 2014 /
Tablet Samsung Galaxy Tab S. Análise

O Samsung Galaxy Tab S é o rei dos tablets Samsung em 2014. Saiba porquê

*As pontuações atribuídas em cada categoria pertencem a uma escala de 0 a 10


Prós

• Qualidade de imagem única
• Fluidez na reprodução de conteúdos
• Expansão de memória até 128 GB
• Memória RAM de 3 GB
• Agilidade do sistema multi-tarefas

Contras

•.Reduzido armazenamento interno útil
•.Gravação de vídeos com pouca luminosidade natural mediana.


Preços do Samsung Galaxy Tab S

A variante de 10.5 do Samsung Galaxy Tab está disponível a partir de 499 euros e pode ser adquirida nas principais cadeias de retalho do país.

• €499 | Samsung Galaxy Tab S 16 GB - Wi-Fi
• €549 | Samsung Galaxy Tab S 32 GB - Wi-Fi
• €599 | Samsung Galaxy Tab S 16 GB - Wi-Fi + 4G LTE


1) Samsung Galaxy Tab S: Estética e Design

Rating: 9/10 | A Samsung sempre manteve uma determinada semelhança em termos estéticos nos seus produtos mobile. Mudando apenas pequenas coisas, a marca sempre manteve uma certa identidade no design dos seus produtos. O Galaxy Tab S não é excepção: este tablet Samsung tem na sua parte superior as teclas de controlo de volume e bloqueio/desbloqueio de ecrã, ao passo que é na parte de baixo que se situam os botões que correspondem à multitarefa,  homepage (este sendo um botão físico) e a opção de retroceder.

Na lateral direita do equipamento encontram-se as entradas para micro SD e mini-usb (para ligação de dados e carregamento). Na lateral oposta encontramos uma coluna,  por baixo da entrada Jack 3.5 mm. A versão do Samsung Galaxy Tab S que nos foi cedida para testes tem ainda 10.5 polegadas, uma espessura de apenas 6.6 milímetros e um peso de 465 gramas.

O Galaxy Tab S é sem dúvida um equipamento a ter em conta na esfera dos tablets, dado que - por exemplo - tem menos peso e menos espessura que dois dos seus concorrentes directos, o iPad Air e o iPad Mini respectivamente. Para um aparelho com as dimensões que apresenta, é bastante confortável de manusear - não só devido à sua pequena espessura mas também devido ao material da capa traseira, que transmite uma sensação de segurança e aderência superior a vários aparelhos dentro da mesma gama. Possui também uma estética atraente, com curvas subtis e formas que lhe conferem uma certa classe.


2) Samsung Galaxy Tab S: Ecrã e Reprodução de Conteúdos

Rating: 10/10 | Apresentando uma resolução de 2560 x 1600 píxeis e tecnologia AMOLED, espera-se não só uma excelente experiência de utilização em termos de visualização, mas também em reprodução de conteúdos - nomeadamente jogos, filmes e vídeos com alta definição.

Testámos as capacidades do Galaxy Tab S ao ver como se comporta reproduzindo um trailer em alta definição (o trailer dos Guardiões da Galáxia) e pudemos concluir que a Samsung fez um excelente trabalho no que respeita à apresentação de conteúdos nos seus dispositivos e, mais uma vez, deu um excelente ênfase à sua tecnologia AMOLED (que tende a evoluir cada vez mais). É seguro afirmar que a qualidade de imagem deste equipamento é sem dúvida das mais impressionantes que já tivemos oportunidade de observar.

Também testámos a reprodução de um jogo com altas exigências gráficas (Real Racing 3), não só com o objectivo de analisar como se comporta a componente gráfica, mas também a capacidade de processamento perante conteúdo que exija uma razoável capacidade do equipamento. O Galaxy Tab S demonstrou uma excelente performance ao reproduzir conteúdo graficamente exigente,  não se denotando quebras nos frames nem atrasos significativos no que respeita ao intervalo de tempo entre a interacção e a resposta por parte do ecrã.


3) Samsung Galaxy Tab S: Bateria

Rating: 9/10 | O equipamento em questão vem acompanhado de uma bateria de 7900 mAh, o que será mais do que suficiente para acomodar uma utilização intensiva, particularmente no que respeita ao consumo de conteúdos de multimédia. Segundo o que pudemos apurar, após várias horas de uso intensivo pudemos constatar que a bateria do Galaxy Tab S suportou aproximadamente 12 horas de reprodução de conteúdos multimédia, o que é  impressionante tendo em conta o hardware que sustenta.

Olhando para os concorrentes directos no mercado é realmente difícil encontrar outro equipamento com uma autonomia tão satisfatória como a do Galaxy Tab S, tendo em conta as componentes de última linha que suporta.


4) Samsung Galaxy Tab S: Câmara

Rating: 7/10 | Em relação à câmara, o Galaxy Tab S beneficia de uma resolução de 8 MP e uma abertura f/2.4. Tirámos duas fotografias ao mesmo cenário em diferentes alturas do dia, de forma a comparar a qualidade de imagem perante diferentes condições de iluminação natural. Observando as imagens, é possível observar que a câmara do Galaxy Tab S demonstra a qualidade expectável para o que alega ser capaz de produzir. É contudo de realçar uma certa ironia relativamente à diferença na captação de luz por parte do sensor, em que se verifica que na fotografia tirada durante o dia - com supostas condições de iluminação superiores- os brancos e cores mais claras estão menos realçados, ao passo na foto da mesma paisagem, tirada em condições de luminosidade natural inferior, as cores e a captação de luz são bastante notórias.

Tablet Samsung Galaxy Tab S. Análise

Tablet Samsung Galaxy Tab S. Análise

Vídeo | Com capacidade de gravação em Full HD (1920 x 1080p) a 30 frames por segundo, pretende-se que a gravação de vídeos seja um ponto a favor à compra deste dispositivo, apesar de já haverem algumas opções no mercado que oferecem resoluções maiores (mas também a preços superiores). Deste modo adoptámos o mesmo método de que fizemos uso para o teste de fotografias, gravando um vídeo em diferentes condições de iluminação.

Existem algumas diferenças dignas de realçar, mais precisamente no que respeita à qualidade de imagem e focagem em ambas as situações. Na gravação feita a meio do dia, a imagem aparenta estar estável e focada, apenas se notando um pequeno atraso, quase imperceptível, entre os frames - o que não deixa de ser perfeitamente natural para uma câmara que grava a 30 fps. A principal desilusão surge depois, ao visualizar o mesmo vídeo no decorrer do final da tarde. Aqui verifica-se uma notável descida qualitativa relativamente à gravação anterior, em que se nota bastante bem a dificuldade da câmara para focar a imagem, bem como uma diminuição algo preocupante na qualidade.

Para o utilizador entusiasta das gravações de vídeo, o Galaxy Tab S não promete uma satisfação garantida, principalmente em condições de menor iluminação. Contudo, para o utilizador mais comum e que não tenha uma expressa preocupação neste sentido, a câmara no seu todo (i.e. fotografia e vídeo) é mais do que aceitável.


5) Samsung Galaxy Tab S: Reprodução de Aúdio

Rating: 8/10 | No que à reprodução de som diz respeito, não há muito a dizer acerca da qualidade sonora a que a Samsung já nos habituou, e o Galaxy Tab S é mais um claro exemplo disso mesmo. Tanto a nível de reprodução de conteúdos de vídeo (i.e., youtube) como em jogos, o volume que sai das colunas é audível o suficiente mesmo em ambientes com um abundante barulho de fundo. Por fim, não se nota qualquer tipo de ruído incomodativo mesmo quando se testa o volume ao máximo da sua capacidade, o que resulta numa experiência auditiva tranquila e sem evidentes distorções.


6) Samsung Galaxy Tab S: Armazenamento Interno

Rating: 7/10 | O Galaxy Tab S ostenta uma memória padrão de 16 GB, dos quais aproximadamente 4.5 GB são dedicados ao sistema em si, com cerca de 800 MB dedicados a ficheiros vários. Tudo subtraído isto resulta em 10.7 GB de espaço útil, ou seja, logo à partida é retirado sensivelmente um terço da memória inicial anunciada pela marca. Existe, no entanto, a possibilidade de expandir a memória até 128 GB através de cartão microSD - só que, como é sabido, é sempre preferível fazer uso da memória interna dado que a utilização de memória externa afecta a capacidade de processamento do dispositivo a longo-prazo.

Para quem não fizer questão de guardar bastantes vídeos/fotografias de alta qualidade, ou for um colccionador incurável de albuns, o espaço é mais do que suficiente para um aproveitamento usual. Desde a instalação de alguns jogos, armazenamento de umas centenas de músicas e download de várias aplicações utilitárias, o armazenamento conferido pelo equipamento é satisfatório.


7) Samsung Galaxy Tab S: Desempenho Geral

Rating: 9/10 | É nesta esfera que o mais recente tablet da Samsung se destaca, muito devido aos seus portentosos 3 GB de memória RAM e dois possantes processadores de quatro núcleos, estando o primeiro optimizado para operar a 1.9 GHz e o segundo a 1.3 GHz. Perante mais de 10 grandes aplicações abertas em simultâneo, o equipamento não sofreu qualquer tipo de dificuldade notória em saltar de uma aplicação para outra sem que o sistema automaticamente se visse obrigado a economizar memória para funcionar correctamente.

A ajuda mútua necessária entre as várias componentes (i.e. memória RAM, processamento etc) para desempenhar as funções pretendidas mostrou-se equilibrada e harmoniosa, sem grandes diferenças de temperatura no Samsung Galaxy Tab S nem alterações na funcionalidade e agilidade do sistema operativo.


8) Conclusões

RATING FINAL: 8.4/10 | O Galaxy Tab S supera em larga escala a maioria dos concorrentes actualmente presentes no mercado, justamente por conseguir juntar tecnologia de ponta em praticamente todas as suas componentes, e não só nas mais importantes - o resultado é um equipamento que, no seu todo, funciona harmoniosamente e sem quaisquer dificuldades perceptíveis à vista do consumidor comum.


5,183