NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Subscrições 5G vão superar mais de 500 milhões em 2022, segundo Ericsson

Subscrições 5G vão superar mais de 500 milhões em 2022, segundo Ericsson

terça, 22 novembro, 2016 /
Subscrições 5G vão superar mais de 500 milhões em 2022, segundo Ericsson

Banda larga móvel vai ser responsável por 90 por cento de todas as subscrições até 2022.

 

*Este texto é um comunicado de imprensa da marca e não é da autoria do Telemoveis.com

A mais recente edição do Ericsson Mobility Report prevê que irá haver 550 milhões de subscrições 5G em 2022. A América do Norte será líder na adoção de subscrições 5G, região onde um quarto de todas as subscrições deverão ser 5G em 2022.

 

Ericsson Mobile subscriptions

 

A Ásia - Pacifico será a região com o segundo maior crescimento em subscrições 5G, com 10 por cento de subscrições 5G em 2022. De 2016 a 2022, o Médio Oriente e África vão enfrentar profundas alterações, de uma região com uma maioria de subscrições exclusivas de GSM/EDGE para 80 por cento de subscrições em WCDMA/HSPA e LTE.

Até ao fim de 2016, vai haver 3,9 mil milhões de subscrições de serviços móveis em smartphones. Quase 90 por cento destas subscrições serão em redes WCDMA/HSPA e LTE. Até 2022, o número de subscrições em smartphones deverá atingir 6,8 mil milhões, dos quais mais de 95 por cento das subscrições registadas em redes WCDMA/HSPA, LTE e 5G.

Ulf Ewaldsson, Chief Strategy and Technology Officer da Ericsson, refere: “Quase 90 por cento das subscrições em smartphones baseia-se hoje em redes 3G e 4G, e espera-se que as redes 5G estandardizadas estejam disponíveis em 2020.

Vemos atualmente um enorme interesse entre os operadores no que respeita ao lançamento de redes 5G pre-standard. O 5G vai acelerar a transformação digital em muitas indústrias, permitindo novos casos de uso em áreas como a IoT, a automação, os sistemas de transporte e o big data”.

O mais recente Ericsson Mobility Report prevê ainda que em 2022 haja 8,9 mil milhões de subscrições em dispositivos móveis, dos quais 90 por cento vão dizer respeito a banda larga móvel. Nessa altura, haverá 6,1 mil milhões de subscritores únicos de banda larga móvel.

 

Ericsson Subscribers

 

A partir do terceiro trimestre de 2016, registou-se um aumento de 84 milhões de subscritores móveis, dando origem a um total de 7,5 mil milhões, o que representa um crescimento anual de 3 por cento.

A Índia foi o país com o maior crescimento no que respeito a valor líquido durante este período (+15 milhões), seguida da China (+14 milhões), Indonésia (+6 milhões), Birmânia (+4 milhões) e Filipinas (+4 milhões).

As subscrições de banda larga móvel estão a crescer cerca de 25 por cento ao ano, tend subido aproximadamente 190 milhões no terceiro trimestre de 2016 apenas. Atualmente, há cerca de 4,1 mil milhões de subscrições de banda larga móvel em todo o mundo.

O tráfego móvel continua a crescer, alicerçado no aumento das subscrições e na contínua subida do valor médio de volume de dados por subscrição, uma subida justificada principalmente pelo maior consumo de conteúdo de vídeo.

No terceiro trimestre de 2016, o tráfego de dados cresceu 10 por cento face ao trimestre anterior e 50 por cento face ao mesmo período do ano anterior.

 

Outros destaques do Ericsson Mobility Report:

 

O tráfego móvel referente a conteúdo de vídeo é cada vez mais dominante: o tráfego de conteúdo de vídeo em dispositivos móveis deverá crescer 50 por cento ao ano até 2022 e vai representar cerca de 75 por cento de todo o tráfego móvel.

As redes sociais são o segundo maior tipo de conteúdo, que deverá crescer 39 por cento anualmente nos próximos seis anos.

Live streaming nas redes sociais: Os consumidores usam cada vez mais apps de live video streaming para interagirem com amigos, familiares e seguidores. Cerca de um em cada cinco utilizadores de smartphones nos EUA dizem estar interessados na publicação de streams de vídeo em direto.

Em mercados de elevados índices de crescimento, como a Índia, Indonésia, Brasil e Oman, o número de interessados neste tipo de apps duplica.

IoT no centro do palco: Espera-se que existam cerca de 29 mil milhões de dispositivos conectados até 2022, dos quais 18 mil milhões estarão ligados à Internet das Coisas (IoT). O último Ericsson Mobility Report disponibiliza um olhar mais aprofundado sobre a IoT, com três artigos dedicados a este tema, com diferentes perspetivas sobre a IoT e o seu potencial de transformação.

Dois artigos são da coautoria de operadores responsáveis pela conceção de soluções IoT em torno dos seus ativos principais, criando assim um adicional valor de negócio. O terceiro artigo explora as competências das redes celulares no que respeita a suporte a um cenário de caso de utilização realístico de adoção massiva de IoT.

 

O Ericsson Mobility Report é um documento líder na indústria que aborda o tráfego de dados móveis, facultando medições exaustivas de redes reais de todo o mundo. O relatório usa esses valores e consequentes análises, juntamente com previsões internas e outros estudos relevantes, para disponibilizar perspetivas sobre o tráfego atual e as tendências de mercado na Sociedade em Rede.

A Traffic Exploration Tool, que é disponibilizada juntamente com o relatório, pode ser utilizada para criar gráficos e tabelas personalizadas. A informação pode ser filtrada por região, subscrição, tecnologia, tráfego e tipo de dispositivo.

 

1,112

Autores

Telemoveis.com

O telemóvel está muito lento. O que fazer?

Por Telemoveis.com | 03 agosto 2018

Colaborações

MindShaker

O que deve saber sobre desbloquear telemóveis?

Por MindShaker | 17 julho 2018

THERENT.ZONE

HTC Vive vs Oculus Rift: qual o melhor equipamento de realidade virtual?

Por THERENT.ZONE | 21 março 2018

eMenuk

Sistema de Menu Digital Para Restaurantes

Por eMenuk | 15 março 2017

Surf Map Portugal

Tecnologia no Surf

Por Surf Map Portugal | 07 março 2017

Colunistas

Lauro Lopes

20 anos de Telemoveis.com

Por Lauro Lopes | 10 abril 2018

close