NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Sony pode abandonar telemóveis

Sony pode abandonar telemóveis

quinta-feira, 19 fevereiro, 2015 /
Sony pode abandonar telemóveis

A gigante japonesa revelou estar em dificuldades


Kazuo Hirai, CEO da Sony, afirmou que a empresa pretende voltar aos lucros. A empresa tem o objectivo de atingir 4.2 mil milhões de dólares de lucro em 2018, e para isso vai ter de realizar alguns sacrifícios.

Um desses sacrifícios passa pela diminuição considerável de investimento na área mobile, já que a mesma não tem proporcionado o retorno desejado. Mesmo após as diversas especulações acerca de novos smartphones Sony na calha, parece que a divisão mobile da Sony realmente não vive os seus melhores dias.

Num mercado em que a gigante japonesa se vê “ensanduichada” entre a Samsung e a Apple, a Sony começa a não ver justificação para dar continuidade ao seu investimento no sector das telecomunicações.

Quando questionado acerca das divisões mobile e de TV, Hirai afirmou « não estar fora de hipótese a aplicação de uma estratégia de saída », segundo declarações do CEO da Sony à Reuters.

Em contrapartida, Kazuo Hirai afirmou que um dos objectivos da empresa para atingir o desejado lucro irá passar pelo investimento em segmentos que já se revelaram um sucesso - como é o caso da PlayStation 4, onde a empresa pretende aumentar a sua rede de utilizadores.


3,554