NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Orange despede 2 mil

Orange despede 2 mil

terça-feira, 09 maio, 2006 /
Cortes no Reino Unido em nome da competitividade. Aquele responsável afirmou que a empresa precisa de reduzir os gastos em 15% para ser «mais ágil e leve» e «poder satisfazer as necessidades dos clientes num ambiente cada vez mais competitivo».

O director assegurou que os trabalhadores afectados serão tratados «com dignidade e respeito, de acordo com os valores» da empresa.

Na medida do possível, a Orange vai tentar reafectar os funcionários, de modo a que o despedimento seja «o último recurso».

Bernard Ghillebaert adiantou que a administração apresentará em Setembro um plano relativo à reestruturação.

A Orange, que é detida pelo grupo estatal francês France Telecom, anunciou no início deste ano previsões de cortes de até 17 mil postos de trabalho a nível mundial para os finais de 2008.
2,324