NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Microsoft compra divisão de telemóveis e serviços da Nokia

Microsoft compra divisão de telemóveis e serviços da Nokia

terça-feira, 03 setembro, 2013 /
Microsoft compra divisão de telemóveis e serviços da Nokia

A Microsoft comprou a divisão de telemóveis e serviços da Nokia por um total de 5400 milhões de euros. A aquisição da divisão de telemóveis da Nokia por parte da Microsoft só estará concluída em 2014

A aquisição da Nokia por parte da Microsoft já teria passado muitas vezes pela cabeça de vários órgãos de comunicação direccionados para as tecnologias, mas nem isso parece servir para atenuar o efeito de choque que esta compra mediática parece estar a ter.

Num negócio cujo valor total ronda os 5400 milhões de euros, a Microsoft adquriu a divisão de telemóveis e serviços da Nokia por 3790 milhões de euros, tendo investido os restantes 1650 milhões de euros no licenciamento do portefólio de patentes detido pela empresa finlandesa por um período de dez anos.

Algumas curiosidades em relação a esta compra: as notícias da aquisição da Nokia por parte da Microsoft surgem após ter sido anunciado o fim das funções do actual director-executivo da gigante norte-americana. Stephen Elop, ex-executivo da Microsoft e actual director-executivo da Nokia, apresenta-se assim como um potencial sucessor para o cargo actual de Steve Ballmer.

Também do ponto de vista prático faz todo o sentido a Microsoft adquirir uma produtora de hardware como a Nokia, da mesma forma que a Google adquiriu no ano passado a Motorola Mobility. Não só permite uma maior facilidade na gestão dos seus aparelhos, como também permite que quaisquer decisões tomadas sejam implementadas mais rapidamente, sem necessidade de intervenientes externos.

Mas não deixou de ser uma aquisição surpreendente. A compra da Nokia, não tendo sido total, significa que apesar da aquisição do hardware da fabricante finlandesa, a marca Nokia irá permanecer independente. Isto quer dizer que brevemente deixarão de existir telemóveis e smartphones da Nokia para darem lugar a produtos da Microsoft.

Como encara estas notícias? Acha que a Nokia vai deixar saudades? Terá sido esta aquisição uma boa estratégia para as duas empresas? Deixe-nos um feedback!

Microsoft compra divisão de telemóveis e serviços da Nokia

3,761