NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Guitar Hero chega ao fim

Guitar Hero chega ao fim

sexta-feira, 11 fevereiro, 2011 /
Guitar Hero chega ao fim

Activision anuncia cancelamento do popular franchising.
O mundo dos negócios é assim mesmo: passar do topo para o fundo é uma questão de timing. E foi justamente isso que aconteceu à conhecida série Guitar Hero, da Activision, que decidiu cancelá-la definitivamente.

As razões têm o seu peso: além de não haver destaque em relação a concorrentes como o Rock Band, deixou ainda de ser um produto rentável. Os dados sublinham isto: o Guitar Hero 3 vendeu cerca de 1,5 milhões de cópias e, logo no ano seguinte, o Guitar Hero: Warriors of Rock ficou-se pelas 86 mil cópias vendidas. Outros conhecidos jogos da Activision também foram descontinuados: Tony Hawk e o projecto True Crime:Hong Kong, que a companhia cancelou por entender que "o produto não ia ser suficientemente bom", segundo Eric Hirshberg, CEO da Activision.

Após muitas horas de diversão proporcionadas aos fãs do jogo, parece que chegou o fim da série. A Activision irá concentrar esforços noutros títulos populares: Call of Duty, Starcraft e World of Warcraft serão os seus principais projectos.

Fonte: Ecetia

2,349