NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Como aumentar a produtividade no trabalho

Como aumentar a produtividade no trabalho

segunda-feira, 27 abril, 2015 /
Como aumentar a produtividade no trabalho

Apresentamos algumas directrizes a seguir, de forma a melhorar a produtividade em contexto laboral.


Em contexto de trabalho, particularmente em grandes empresas, a quantidade de tarefas a realizar diariamente pode ser esgotante. Acompanhada da quantidade de trabalho surge também a falta de organização, consequência da sobrecarga laboral a que ocasionalmente possamos ser expostos.

Surge assim a necessidade de criar algumas estratégias a adoptar de forma a que a sobrecarga não se faça sentir tão intensamente e sejam alcançados os objectivos necessários. Aqui ficam três delas.


#1 – Organização

Metas, ordem e horários. Estes três pressupostos são importantíssimos em contexto organizacional, dado que permitem a criação de uma linha estratégica sob a qual nos podemos orientar e apoiar, tornando o trabalho mais estruturado e organizado. Ao definirmos metas para o que queremos alcançar estamo-nos a desafiar a atingir um objectivo, o que sempre é melhor do que ter esse objectivo definido por outros. 

A importância de uma ordem estrutural sob a qual as nossas tarefas devem ser realizadas também não deve ser subestimada. Definir o que fazer em primeiro, segundo ou último lugar, é uma forma simples e eficaz de edificar a nossa ordem de trabalhos e mais facilmente atingir as metas a que anteriormente nos propusemos. 

Cumpridos os passos acima, surge agora a necessidade de criar uma agenda com horários pré-estabelecidos, direccionados para as diferentes tarefas a realizar. Não vale a pena definir timelines sabendo de antemão que não as podemos cumprir.

Depressa e bem, não há quem. É importante ser realista, pragmático e ter os pés bem assentes na terra na altura de definir “x” número de horas para realizar um objectivo. É preferível executar uma tarefa em mais tempo e com qualidade do que rapidamente e sem brio.

OrganizeProductivity


#2 – Automotive-se

Talvez o ponto mais crucial desta lista, a motivação desempenha um papel determinante na execução de qualquer tarefa laboral. Com excepção daqueles que trabalham na sua profissão de sonho, a restante percentagem - grande parte, diga-se  - infelizmente labora em segmentos profissionais escolhidos não por gosto mas por necessidade.

Nestes casos, são vários os factores de que se podem fazer proveito de modo a que a falta de motivação não se torne um obstáculo. Um desses factores está directamente relacionado com o ponto anterior, isto é, o estabelecimento e execução de objectivos a curto prazo. Defina uma tarefa a cumprir num determinado espaço de tempo e, aquando da sua conclusão, a satisfação e consequente partida para o próximo objectivo são variáveis que constituem factores motivacionais em qualquer área profissional.

Outro factor automotivacional é constituido pela prática pessoal de reforços, tanto positivos como negativos.Traduzindo por míudos, falamos de castigos e recompensas. Ao definir uma meta a alcançar, autodiscipline-se a cumprir com determinada tarefa (recompensa ou castigo) após a conclusão (ou não) do objectivo proposto.

ProductivityMotivation


#3 - Faça pausas

O tempo que o ser humano se consegue manter concentrado num objectivo designado é limitado. Foram vários os estudos levados a cabo neste âmbito, conhecido por attention span. E para que serve esta informação? Serve exactamente para saber durante quanto tempo “vale a pena” manter-se focado a desempenhar determinada função.

Segundo o site  de estatísticas Statisticbrain, em 2013, o tempo que o ser humano disponibilizava a dar atenção a um determinado objectivo era de 8 segundos, um número irrisório que consegue ser inferior à média dispendida por… um peixinho dourado. Aplicando este conhecimento à prática laboral comum realizada pelo homem, é altamente aconselhável que caso seja concedida a oportunidade, se façam vários intervalos - por mais pequenos que sejam - durante a rotina de trabalho de forma a aumentar a produtividade, rigor e qualidade das tarefas a realizar.

 

BreakProductivity


 

3,337