NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo

HTC Desire S, LG Maximo 2X e Sony Ericsson Xperia Play

terça-feira, 10 maio, 2011 /
HTC Desire S, LG Maximo 2X e Sony Ericsson Xperia Play

O HTC Desire S, LG Maximo e Sony Ericsson Xperia Play são alvos de uma breve comparação, cada qual dirigido a um determinado segmento do público.

Hoje resolvemos comparar três telemóveis populares, como é o caso do HTC Desire S, do LG Maximo 2X e e do Sony Ericsson Xperia Play. Três modelos populares, três topos de gama e tão diferentes uns dos outros, que partilham o facto de serem telemóveis altamente antecipados pelos utilizadores das respectivas marcas.

O LG Maximo 2X é o irmão mais velho e foi lançado ainda durante Fevereiro. O HTC Desire S passa a ser o irmão do meio (saiu em Março) e o Sony Ericsson Xperia Play é o mais recente, e saiu em Abril. Como topos de gama que são, seria quase pecado nenhum deles ter conectividade 3G. Hoje em dia, e principalmente em modelos de gama alta, já se tornou uma característica obrigatória.

Não será certamente necessário aprofundar todas as características que unem estes telemóveis, pelo que será mais interessante vermos quais as diferenças e para que segmentos se dirige cada um destes modelos. Todos eles possuem características técnicas semelhantes, ao fim ao cabo.

HTC_Desire_S_LG_Maximo_e_Sony_Ericsson_Xperia_Play_01

O LG Maximo 2X, como irmão mais velho que é, acaba por levar a vantagem em termos do processador. Apesar dos três modelos terem em comum processadores de 1GHz - e sublinhemos que o do HTC Desire S é igual ao do Sony Ericsson Xperia Play -, o LG Maximo 2X é o vencedor neste segmento pelo seu processador dual-core de 1GHz, o que lhe confere mais velocidade e potência que à concorrência.

Além disso, parece ser o que tem a maior autonomia de bateria. No caso do HTC Desire S, um dos incovenientes apontados na sua crítica é o da autonomia de bateria, o que é uma enorme desvantagem se tivermos em conta que é um telemóvel orientado para o segmento profissional, que em várias ocasioões terá que prolongar a sua utilização.

O Sony Ericsson xperia Play, por outro lado, e tendo em conta que um dos seus principais atractivos é a jogabilidade, acaba por já ganhar pontos sobre o HTC Desire S neste aspecto. Mas o voto do público também tem de contar neste aspecto, e já recebemos algumas queixas a respeito da autonomia de bateria do Sony Ericsson Experia Play não corresponder às expectativas.

HTC_Desire_S_LG_Maximo_e_Sony_Ericsson_Xperia_Play_02

Mas o trono irá mais uma vez para o LG Maximo 2X, que consegue suportar uma utilização intensiva e ter autonomia de bateria até dois dias. Ainda assim, são características que causam nostalgia dos tempos em que uma bateria durava uma semana sem quaisquer carregamentos.

O Sony Ericsson Experia Play tem o maior display dos três modelos, e neste aspecto poderá ser a melhor opção para os utilizadores que procuram algo mais do que um telemóvel que realize só chamadas. Não só pelo seu ecrã ser indicado para vermos conteúdos multimédia, mas também por estar totalmente adaptado para jogos. É daqueles utilizadores com um bichinho por jogos? Um nostálgico das consolas? Saiba que já pode levar tudo isso no seu bolso, e muito mais.

O HTC Desire S tem um ecrã de grande qualidade também, e tirando o problema da sua autonomia, é o que está melhor preparado para se tornar numa ferramenta de trabalho. Os BlackBerry que se cuidem, apesar de a HTC ainda ter algumas arestas por limar. O seu fabrico é de elevada qualidade e possui uma estética bastante sofisticada e adequada ao seu segmento.

HTC_Desire_S_LG_Maximo_e_Sony_Ericsson_Xperia_Play_03

No entanto, o voto do Telemoveis.com irá certamente para o LG Maximo 2X por ser simplesmente uma "grande máquina" por dentro e por fora. Pode não ter sido criado necessariamente para nos acompanhar na nossa vida profissional, mas facilmente podemos adaptá-lo através de aplicações. Tem excelentes capacidades para se integrar nesse meio.

No que diz respeito a jogos, certamente que está muito dependente do tipo de utilizador. Quem procurar uma consola portátil certamente terá no Sony Ericsson Xperia Play a "menina dos seus olhos", mas o LG Maximo 2X aproxima-se mais do que um telemóvel sofisticado é, e não sabemos até que ponto será justo fazê-lo competir com um modelo que se aproxima mais da categoria de uma consola portátil que também tem funcionalidades de smartphone.

E sabem que mais? Mantém-se perfeitamente à altura.

4,419