NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo

Android ultrapassa Symbian

terça-feira, 01 fevereiro, 2011 /
Android ultrapassa Symbian Android da Google tornou-se líder de sistemas operativos mobile, ultrapassando Symbian da Nokia.
A Canalys, empresa especializada em estudos de mercado, publicou um relatório que coloca o Android no topo dos sistemas operativos mobile: 32.9 milhões de smartphones vendidos em todo o mundo, durante o 4º trimestre de 2010, contra 31 milhões de telefones Symbian vendidos no mesmo período. Foi a primeira vez, desde que surgiu em 2007, que o sistema operativo da Google ultrapassou o Symbian, o OS mais popular do mundo.

O estudo refere ainda que as vendas de telefones Android aumentaram mais de 600% por ano, representando 32% das vendas de smartphones no quarto trimestre de 2010, mais 9% que em 2009. Quanto ao Symbian, enquanto que em 2009 representava 44.4% das vendas de smartphones a nível mundial, apresentou em 2010 apenas 30.6%, tendo descido para segundo lugar na tabela.

Em terceiro está a Apple: o iOS esteve presente em 16.2 milhões de smartphones, vendidos no quarto trimestre de 2010, representando 16% do total do share. A Research in Motion (RIM) ficou em quarto, com o BlackBerry OS a cobrir 14.4% do share - cerca de 14.4% do share.

O Android tem excedido as expectativas em termos de crescimento, apresentando anualmente resultados consistentes: há dois anos atrás, a Gartner (firma especializada em estudos de mercado) previu que o Symbian iria liderar os sistemas operativos mobile até 2012. Contudo, em 2010, apesar da Gartner manter a sua previsão sobre a liderança do OS da Nokia, as expectativas face ao Android cresceram também.

O Android surgiu em 2007, quando a Google anunciou um sistema operativo open-source (como o Linux), que registou anualmente um crescimento significativo e que culminou no quarto trimestre de 2010, convertendo-se no OS mobile mais vendido do mundo. A versão 3.0 (Honeycomb) está prevista para breve, adaptada para o universo tablet e para correr aplicações/software em dispositivos touchscreen.
3,591