NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo

A corrida aos smart watches, ou relógios inteligentes

domingo, 24 março, 2013 /
A corrida aos smart watches, ou relógios inteligentes

Aparentemente as pessoas andam mais entusiasmadas com relógios inteligentes do que com o conceito por detrás de óculos inteligentes como os da Google.

Aparentemente o próximo grande segmento de mercado inovador vai ser o dos relógios - a Apple, a Google, a Samsung e até mesmo a LG são quatro das empresas que deverão participar com as suas próprias propostas dentro deste segmento. E o que é que se sabe actualmente sobre os smart watches?

As informações disponíveis actualmente, embora não surpreendentes, sugerem que o 'iWatch' da maçã deverá correr iOS, o mesmo sistema operativo presente no iPhone e no iPad. As hipóteses da Apple ser bem sucedida neste segmento, criando assim - e mais uma vez - um novo mercado, são bastante elevadas. Especialmente se tiver a vantagem, face à concorrência, de ser a primeira empresa a lançar um produto deste género. Se os rumores que circulam sobre o iWatch estiverem certos, poderemos esperar o seu lançamento até ao final do Verão.

A corrida aos smart watches, ou relógios inteligentes

Mas olhemos para as duas outras propostas, que não mais surpreendentemente deverão correr Android. As primeiras referências a um relógio inteligente da Samsung surgiram da boca do vice-presidente da área mobile da empresa, Lee Young-Hee. Estamos a trabalhar muito para nos prepararmos. Estamos a preparar produtos para o futuro, e o relógio será definitivamente um deles, referiu. Não há quaisquer detalhes conhecidos em relação a este dispositivo, mas as hipóteses em relação ao seu sistema operativo só se resumem a duas neste momento: ou Android, que catapultou a Samnsung para o sucesso de que goza hoje, ou o seu próprio sistema operativo Tizen.

Quanto à Google, com quem é que a gigante norte-americana não tenta concorrer? Tal como a Apple, a empresa liderada por Larry Page goza igualmente de excelentes condições para lançar o seu próprio produto no mercado, o qual - muito provavelmente - seria operado com Android. Alguns dos rumores que circulam na Internet sugerem que a Google poderia lançar este produto até ao final do Verão deste ano, embora não existam quaisquer confirmações oficiais a seu respeito. Esta estratégia seria para coincidir com o lançamento do iWatch, da sua principal concorrente.

5,456