NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Windows 8, Microsoft abandona termo Metro UI

Windows 8, Microsoft abandona termo Metro UI

sábado, 04 agosto, 2012 /
Escrito por Lauro Lopes

Windows 8, Microsoft abandona termo Metro UI devido a disputa legal. Interface Metro de Windows 8 inspirada em Windows Phone.

A Microsoft optou por abandonar o termo Metro UI, utilizado para identificar a interface gráfica do Windows Phone e, mais recentemente, do Windows 8. A principal razão para a Microsoft ter abandonado esse nome, de acordo com o Venture Beat, passa pela disputa legal em que a gigante norte-americana está envolvida, com a empresa Metro AG.

Windows 8, Microsoft abandona termo Metro UI

O The Verge também avança que a Microsoft já terá advertido os seus developers para pararem de utilizar o termo Metro nas suas aplicações para Windows 8 e Windows Phone devido à disputa legal.

Contudo, e segundo um porta-voz da Microsoft, as razões para a gigante norte-americana abandonar o nome estão relacionadas com o facto de ser apenas um "nome de código", ao invés de um nome comercial - ainda que o termo Metro já venha a ser utilizado pela empresa desde 2010, quando apresentou oficialmente o Windows Phone 7.

1,371
Comentários

Autores

João Fonseca

Como assistir aos eventos da HTC e da Samsung

Por João Fonseca | 01 março 2015

Lauro Lopes

A NOS e o bullying judicial

Por Lauro Lopes | 26 fevereiro 2015

Henrique Vieira

Países para investir em apps

Por Henrique Vieira | 15 dezembro 2014

João Paulo Almeida

Alugar iPad

Por João Paulo Almeida | 12 novembro 2014

Colaborações

iOnline - Tecnologia

Edigma. “O touch é o interface certo para o futuro”

Por iOnline - Tecnologia | 12 fevereiro 2015

Tecnologia e Gadgets

IMEI. Porque todos deveriam saber o do seu telemóvel

Por Tecnologia e Gadgets | 10 fevereiro 2015

Colunistas

Paulo Rossas

A Sagres teve de pedir desculpa

Por Paulo Rossas | 19 fevereiro 2015

Ricardo Miranda

Felicidade Desconfiada

Por Ricardo Miranda | 22 janeiro 2015

Rute Gil

Ano Novo, pouca rede

Por Rute Gil | 31 dezembro 2014