NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

quinta, 29 março, 2012 /
Escrito por Lauro Lopes

Apple iPad 3, também conhecido por novo Apple iPad, foi analisado no Telemoveis.com. Conheça a nossa opinião sobre o sucessor do Apple iPad 2.

O Apple iPad 3, também conhecido apenas como o novo Apple iPad, representa a terceira geração do tablet mais popular do mundo. Tal como o Apple iPhone 5, o iPad 3 foi alvo de diversos rumores e especulações muito tempo antes do seu lançamento.

Colocando de parte algumas questões mais polémicas que envolveram o lançamento deste novo iPad, tais como a incompatibilidade com as redes 4G LTE europeias, ou as queixas que diversos utilizadores fizeram sobre problemas de sobreaquecimento neste novo iPad, a grande questão que fica é: será este um digno sucessor do Apple iPad 2 ?

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

Acessórios do Apple iPad 3

O Apple iPad 3, nome pelo qual iremos tratar o novo iPad ao longo desta análise, não foge à regra dos seus antecessores no que a nível de acessórios diz respeito. O Apple iPad, sendo um tablet popular, já conta com diversos acessórios disponíveis no mercado, pelo que a variedade não deverá apresentar-se como um problema neste sentido.

Quanto ao iPad 3 em si, a Apple manteve-se fiel aos lançamentos anteriores e resumiu-se apenas ao essencial - o cabo USB, para transferência de dados entre o tablet e o computador, e a bateria. E quem precisa de mais, nesta fase ?

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

Design do Apple iPad 3

Quem esperava por um design revolucionário no Apple iPad 3 certamente terá ficado desiludido. Não que exista qualquer problema ao nível do design do Apple iPad 3, mas por a Apple não ter introduzido grandes novidades a este respeito. E se há quem possa acusar a fabricante da maçã de pouca imaginação, a hipótese mais provável será a de não ter optado por tocar numa fórmula que, por si só, já é vencedora.

O Apple iPad 3 é praticamente igual ao Apple iPad 2 - as semelhanças físicas entre ambos são, na verdade, bastante comparáveis às semelhanças entre dois irmãos gémeos. Mas existem algumas diferenças mínimas que abordaremos já a seguir. Comecemos apenas por descrever o Apple iPad 3.

A parte frontal do novo iPad mantém-se fiel à imagem que o mundo conhece dos tablets da Apple - minimalismo e sofisticação, muito fiel à máxima less is more. É caso para dizer que além do ecrã Retina de 9.7 polegadas, encontramos o já clássico botão home - que os rumores que antecederam o lançamento do novo iPad sugeriam que iria desaparecer - e a câmara frontal, ideal para video-chamadas.

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

Avaliando a parte traseira do novo Apple iPad 3 e as diferenças também nos parecem ser mínimas. No canto superior esquerdo encontramos o botão para ligar/desligar/bloquear o iPad, com a novíssima câmara iSight de 5 MP por debaixo. Além do logotipo da Apple que ocupa o lugar central das costas deste novo iPad, encontramos o speaker no canto inferior esquerdo e uma entrada para ligar a dck ao tablet.

No lado esquerdo do Apple iPad encontramos os botões físicos de volume e uma lock switch, que permite manter o ecrã permanentemente em modo panorâmico ou em modo vertical, consoante a opção do utilizador.

Bem, e o que dizer sobre o novo Apple iPad 3 ? Se desiludiu alguns, talvez tenha sido precisamente por isso: pela falta de novidades e de alterações. Mas estas existem, mesmo que não sejam tão aparentes. Para começar, e face ao Apple iPad 2, este novo tablet é maior e mais espesso, o que se deve à sua nova bateria. Mas as diferenças de peso entre um e outro são quase imperceptíveis.

O design é claramente vencedor, e será sem dúvida uma das características que sempre diferenciou a Apple da concorrência nos últimos anos. Minimalista, elegante e com uma aparência sofisticada, tal como os seus antecessores, a Apple não parece ter optado por alterar uma fórmula que já por si é vencedora. E nós não nos opomos.

Interface e funcionalidades do Apple iPad 3

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

O lançamento do Apple iPad 3 foi marcado pelo lançamento de uma nova versão do iOS. O Apple iPad 3 vem equipado com iOS 5.1 e, face ao iOS 5.0, as diferenças também não são grandes. A nível estético mantém a tendência já conhecida da Apple.

Há uma sensação de familiaridade na utilização deste novo iPad, e quer-nos parecer que as verdadeiras novidades se prenderam mais ao nível do hardware do que propriamente do software. Quando desbloqueamos o ecrã do iPad 3, por exemplo, a velha barra slide-to-unlock surge-nos num movimento que já é característico no Apple iPhone e no iPad 2.

Uma característica que define o iOS, e talvez seja uma das chaves para o seu sucesso, passa sem dúvida pela forma como o sistema operativo mobile da Apple é projectado. Enquanto que o Android, e aqui a comparação tem que ser feita, se baseia em camadas por onde o utilizador navega, o iOS atira-nos tudo directamente na cara. Isto significa que o ecrã principal do iPad 3 é composto por praticamente todos os elementos - aplicações e funcionalidades - que temos instalados no tablet. E é isto, funciona como uma espécie de grelha onde vamos buscar aquilo de que precisarmos na ocasião.

 

Apple iPAd 3, review ao novo iPad da Apple

As aplicações podem ser organizadas conforme o gosto/necessidade do utilizador, inclusive por pastas - o que pode facilitar a identificação e a procura de algumas aplicações caso comecemos a ficar lotados. A barra de notificações será certamente familiar, podendo ser acedida em qualquer ocasião durante a utilização do iPad 3, mesmo que tenhamos aplicações abertas. No caso dos jogos, ao recorrermos à barra de notificações o jogo é pausado automaticamente.

Internet e Conectividade do Apple iPad 3

A navegação na Web é certamente um dos factores mais apelativos que o novo Apple iPad disponibiliza além do ecrã com maior resolução, cujo tamanho é ideal para proporcionar uma experiência web agradável e confortável, embora também conte com as suas contrapartidas: quem for utilizador de dispositivos da Apple sabe que o iOS não lê Flash.

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

Embora o HTML5 esteja a ganhar popularidade, grande parte dos conteúdos da Web ainda recorrem ao Adobe Flash para se fazerem ouvir. A julgar pelos números de vendas do novo Apple iPad, isto não parece constituir um problema para uma grande maioria de utilizadores - que, se não se importarem com o que julgamos ser uma média limitação, não deixarão de tirar partido de uma experiência Web fenomenal.

A grande resolução do ecrã do novo iPad certamente que marca pontos neste aspecto, embora a sua verdadeira revelação só seja manifestada através de conteúdos em alta definição. A experiência é a já típica dos tablets da Apple, o que significa que está muito longe de ser apenas razoável - continua a ser muito fluída e a permitir uma experiência totalmente diferente daquela que temos num desktop.

Quando fazemos pinch-to-zoom no novo iPad, e esticamos os dedos até ser praticamente impossível ir mais a fundo, o texto continua a apresentar total definição e legibilidade. Apenas pela curiosidade resolvemos fazer o mesmo teste num iPad 2 e os resultados eram visíveis - o ecrã do iPad 3 exibe claramente mais definição, ainda que as diferenças não nos parecessem aberrantes neste exemplo em concreto. A curiosidade, essa sim, ficou aguçada para os conteúdos em alta definição.

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

Já em termos de opções de conectividade, o Apple iPad apresenta as já conhecidas limitações, que não são segredo nenhum - cartões microSD é para esquecer. Na verdade, em termos de opções de conectividade a Apple deverá continuar a manter a sua aposta na fórmula pela qual é conhecida, e que já se encontrava presente no Apple iPad 2: Wi-Fi, 3G (não, não há 4G no novo Apple iPad, pelo menos não da forma que todos esperariam que houvesse) e Bluetooth (para dispositivos apenas, a Apple não permite a transferência de ficheiros).

Um aspecto algo bizarro com que nos deparámos, contudo, foi que o novo iPad não pareceu recarregar a bateria durante a sua utilização. Após termos feito alguma pesquisa notámos que este "bug" aparenta ser comum, mas não chegámos a concluir se de facto impede que o novo Apple iPad recarregue as baterias enquanto estiver a ser utilizado.

Câmara e Multimédia do Apple iPad 3

A câmara do iPad 3 é sem dúvida alguma um dos maiores upgrades face ao iPad 2, que só exibia uma câmara de 0.7 MP. E se a qualidade é agora muito superior, porque não apostou a Apple numa câmara de 8 MP, como fez com o iPhone 4S ? Quero-nos parecer que, tal como no iPad 2, a Apple não pensou no seu tablet como um dispositivo talhado para as lides fotográficas.

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

E a nova câmara, apesar de qualidade muito superior, continua a não ser impressionante ao ponto de ser um dos factores que nos fizesse adquirir um tablet. Mesmo assim isso não significa que a Apple não tenha resolvido apostar na câmara do novo iPad. Na verdade a nova câmara iSight permite tirar fotos com 2592 x 1944 pixeis de resolução, permite focar através do toque e inclui um detector de caras.

A qualidade das fotos também é, de facto, bastante boa, embora nós preferíssemos cores ainda mais vivas. Independentemente de tudo, em caso de necessidade o Apple iPad promete fazer bem o seu trabalho, com resultados muito bons. Mesmo não sendo a nossa primeira opção para tirar fotografias, a qualidade destas é boa e promete não deixar ninguém insatisfeito, além de que também é muito rápido a tirar fotos.

Quanto ao suporte de vídeo, o novo Apple iPad também permite gravar vídeos em Full HD, ou seja, a 1080p. Disponibilizaremos brevemente alguns samples captados com a câmara iSight do novo Apple iPad.

Performance do Apple iPad 3

O novo Apple iPad vem equipado com um processador dual core A5X, ao contrário do que se esperava inicialmente - embora a nível de processamento gráfico, as potencialidades do iPad 3 sejam quad-core. Uma das novidades que também passaram a integrar o novo iPad 3 passou pela nova bateria, que à partida deveria permitir uma maior autonomia ao novo iPad. E a verdade é que a gestão dos recursos nos pareceu estar optimizada, embora não totalmente perfeita. Dois dias sem recarregar o iPad não são uma ilusão, mas mais do que isso também não nos parece possível.

Conclusões sobre o Apple iPad 3

Apple iPad 3, review ao novo iPad da Apple

Quer-nos parecer que a Apple voltou a definir um standard no segmento dos tablets. E o que é que realmente funciona neste novo iPad ? Para começar, o sistema operativo - que, independentemente de ter os seus fãs ou não, é sem dúvida simples e intuitivo. Apesar do iOS 5.1 não ter introduzido novidades por aí além face à versão anterior, é a velha história de que não vale a pena alterar uma fórmula que tem conquistado vitórias.

Por outro lado, o novo ecrã Retina é um regalo para os olhos - e aqui atrevemo-nos a dizer que a Apple deu um salto de gigante na direcção certa. Não só para consumir conteúdos multimédia em alta qualidade, mas também para tirar ainda mais proveito dos jogos disponíveis. Mas existem contrapartidas negativas. Após um tempo prolongado de utilização, o novo Apple iPad tende a aquecer demasiado, embora essa questão não tenha estado relacionada com impacto directo na autonomia de bateria do iPad 3.

Tal como o iPad 2 na altura do seu lançamento, também o novo iPad 3 é um tablet pouco acessível em termos económicos - e possivelmente para muitos utilizadores, este é um produto que não valerá o preço que por ele é pedido. Por outro lado também nos resta olhar para o mercado e notar a quantidade de tablets acima dos 500 euros que estão disponíveis - será uma diferença assim tão inaceitável ?

Se algum dos utilizadores possuir um iPad 2 e estiver a considerar fazer um upgrade para iPad 3, que considere bem a hipótese - e fazemos questão de referir isto apenas porque achamos que as novidades introduzidas não são assim tão significativas para justificarem um novo investimento. Por outro lado, se se tratar de um primeiro ingresso no mundo dos tablets da Apple., então o iPad 3 poderá revelar-se certamente uma interessante primeira opção.

Classificação do Apple iPad 3

Acessórios: 7,05

Design: 9,25

Interface e Funcionalidades: 8,65

Câmara e Multimédia: 7,68

Internet e Conectividade: 7,73

Performance: 9,10

Extras: 8,0

__________________________________________

CLASSIFICAÇÃO FINAL: 8,21

 

7,629
Comentários